X

Nadal: 'É difícil precisar como estou no momento'

Segunda, 15 de abril 2019 às 14:30:00 AMT

Link Curto:

Tênis Profissional

Cabeça de chave número dois na disputa do Masters de Monte Carlo e vigente campeão, o espanhol Rafael Nadal, conversou com os jornalistas nesta segunda-feira e falou como tem se visto, após desistir dos Masters em piso rápido em virtude de uma lesão no joelho.



Nadal, que tem 11 título do Masters monegasco e é seu maior vencedor, começou sendo questionado de que na temporada passada sofreu apenas uma derrota em toda a gira de saibro, mas o espanhol foi realista: "É um tanto difícil precisar como estou agora, já que tive muitas paradas. Não tive a oportunidade de jogar três semanas consecutivas, por exemplo, e isso é um tanto mais duro pra mim, com altos e baixos mentais. Isso tem a ver com melhorias, melhorias diárias. Pra mim é importante ter um bom treino amanhã e seguir competitivo após o início do jogo", revelou ele, que está trabalhando em quadra há três semanas.

nadal chegou á Mônaco na última sexta-feira e espera que a competição já o coloque no ritmo que busca para seguir na gira europeia.

Grande fã de tênis e praticante nas horas vagas, Rafa foi questionado sobre a vitória do ex-número 1 do mundo do esporte, o norte-americano Tiger Woods, que voltou a vencer um torneio do Grand Slam de golfe, em Augusta, após 11 anos de jejum. "Tenho certeza que foi um período difícil para ele e sei que voltar a vencer um Slam, após tudo o que ele passou dentro e fora dos campos, significa tudo para ele. Como fã do esporte, eu não poderia estar mais feliz".

 "Eu não gosto de falar de frustrações, porque a vida tem sido muito boa comigo para que eu fique frustrado. Mas, sim, algumas vezes é difícil aceitar quando se tem problemas, e é por isso que eu tento me manter bem fisicamente", confessou o espanhol ao ser questionado que as lesões o frustravam. "Estou feliz de estar apto a retornar a competir, jogar tênis. A temporada no saibro é importante pra mim, este torneio é importante pra mim, é bom estar saudável para competir".

Rafa Nadal comentou ainda que o problema no joelho que o afetou e o impediu de disputar os torneios no piso rápido em março nos Estados Unidos, é o mesmo que já o abateu em oportunidades anteriores. "O joelho está bem", ressaltou.